PIAUÍ ATRAI A ATENÇÃO DO MUNDO!

Mais empresas, mais empregos, mais renda e desenvolvimento econômico e social. Os estrangeiros perceberam que o Piauí é uma mina de ouro para se investir e isso atraiu recursos de empresas de todo o Brasil no período da crise. O motivo? O estado não parou de crescer com a recessão econômica e os números mostram que, contrariando a tendência nacional de desaceleração, a economia do Piauí ganhou um impulso nos últimos anos. O produto Interno Bruto ( PIB) per capita do Piauí teve o maior crescimento do país em 13 anos, segundo IBGE. Há também o que se comemorar na geração de emprego: dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que o estado ocupa a 1ª posição no Nordeste em geração de emprego. Esse cenário foi favorável para a abertura de novas empresas e também para a saúde financeira das já existentes. De acordo com dados da Junta Comercial do Estado, o número de empresas ativas subiu 9,24%, fechando 2016 com 176 mil unidades. Em um ano de crise, foram quase 17 mil empresas abertas no Estado.

0 Comentários

Add Comment